Às compras com Michelangelo

Às compras com Michelangelo

Mesmo sendo um gênio do Renascimento, Michelangelo também tinha tarefas básicas da vida quotidiana, como ir ao mercado, como qualquer mortal. No entanto, é provável que ele enviasse alguns funcionários para fazê-lo a fim de dedicar seu precioso tempo a feitos mais importantes como as centenas de encomendas de pinturas que tinha em sua agenda.

Poucas anotações do artista (que foi também arquiteto e poeta) sobreviveram desde o Século XVI. Contudo, foi encontrada uma lista de compras que ele teria dado a um assistente encarregado de buscar seus alimentos.

Michelangelo_menu_fish_bread_wine_1518

Lista de compras ilustrada de Michelangelo, Séc. XVI. Fonte

O mais interessante dessa lista, curiosamente, não são os itens! Os desenhos podem parecer como uma extensão natural de sua arte mas na verdade os esboços de peixe, pão, duas sopas de funcho (erva-doce), um arenque, anchovas e vinho (un bocal di vino), tinham na verdade uma função, já que encarregado das compras era analfabeto – sim, poucos sabiam ler naquela época.

A lista está arquivada no Museu Casa Buonarroti em Florença na Itália, juntamente com outras notas manuscritas e obras de Michelangelo.

John Updike escreveu uma vez que “a excelência nas grandes coisas é construída sobre a excelência na s pequenas”. Esta observação faz muito sentido quando pensamos em numerosos grandes realizações de Michelangelo – Pietà, David, O Juízo Final, Basílica de São Pedro, Capela Cistina… – em comparação a este resumo humilde mas marcante de ingredientes para uma refeição.

Teto da Capela Cistina, Roma. Fonte

Teto da Capela Cistina, Roma. Fonte

Quando se trata dos “rabiscos” de Michelangelo, nota-se que ele rabiscou com a precisão natural de um artista. Segundo artigo de Oregonian Steve Duin publicado numa exposição no Seattle Art Museum,

“…como podemos ver, o verdadeiro homem renascentista não apenas buscava uma variedade de interesses, mas aplicava sua mestria igualmente às tarefas excepcionais e mundanas que, naturalmente, torna o mundano excepcional.”

COMENTÁRIOS

Desembuche aqui:

Share this:

About the Author

Bárbara GascóOlá, terráqueos! Sou Bárbara Gascó, conhecida também como Barbrão por minha conhecida habilidade em várias esferas, tipo faz-tudo =) e esposa do Sr. Denis Gascó, PaleoNerd. Sou Arquiteta e Urbanista e atuo na área desde 2012. Paralelamente, escrevo sobre Arquitetura+História e, como única representante do sexo feminino neste navio pirata, pautas acerca de questões sobre Feminismo e Igualdade de gêneros.

View all posts by Bárbara Gascó

Leave a Reply