Cartões-postais “futuristas” do Sec XX ilustram como seria a França hoje

Cartões-postais “futuristas” do Sec XX ilustram como seria a França hoje

Nos anos de 1899, 1900, 1901 e 1910 foram lançadas edições de uma uma série de ilustrações chamada de “A França nos anos 2000 – Século XXI”, criadas por Jean-Marc Côté entre outros artistas de destaque na época.A princípio, as ilustrações vinham em cartões dentro de embalagens de cigarro e, posteriormente, passaram a ser lançadas em formato de cartões-postais.

A segunda metade do século XIX ficou marcada pelo desenvolvimento do capitalismo financeiro europeu, segundo o qual conglomerados multinacionais promoviam a expansão de áreas industriais, pautados na busca por fontes de matéria-prima e mão-de-obra barata que fossem capazes de suprir os crescentes mercados consumidores, constituídos em colônias e protetorados na África e Ásia. Neste sentido, este processo foi acompanhado de grandes inovações técnicas, como a indústria química de fertilizantes e controles de pragas, o desenvolvimento de ferrovias, o uso do concreto armado nas construções e o motor de combustão interna que, por sua vez, incentivou a exploração de petróleo. Algo que era impulsionado por um conjunto de ideias que levavam estas pessoas a acreditarem que a humanidade estava destinada ao progresso material, encabeçado pelo homem caucasiano, que seria o responsável por introduzir a civilização ao resto do mundo.

Desta forma, as ilustrações de Côté procuravam expor as possibilidades de um futuro distante, no qual o homem teria desenvolvido novas formas de locomover e de se divertir! São pelo menos 87 cartões cujas imagens futuristas, como sugere o tema, representam como seria a França nos anos 2000, de acordo com a imaginação dos artistas. A série com maior destaque é a de 1900, produzida em comemoração à Exposição Universal de Paris, em 1900. Esta exposição foi uma feira mundial realizada em Paris, para celebrar as conquistas tecnológicas do século passado e como forma de incentivo à continuidade das pesquisas em inovação, principalmente voltadas para o ramo industrial.

A seguir, algumas das imagens da série futurista com “atualizações” do nosso tempo em que podemos ver que eles não estavam viajando tanto assim ao imaginar o futuro:

*Fonte das imagens WikimediaCommons

800px-France_in_XXI_Century._Barber

Barbershop

Apesar dos equipamentos de barbear elétricos que temos hoje à disposição, as barbearias “à moda antiga” voltaram com força ao mercado – o medo de ser cortado continua atual

800px-France_in_XXI_Century._Electric_scrubbing

tumblr_nhtp1xRaP71u3dfolo1_400

Opaaa! Roomba tá aí pra limpar nossa casa e entreter nossos pets enquanto estamos fora! huauhuah

800px-France_in_XXI_Century._Intencive_breeding

tao-diferentes-assim-01

Modernizamos a crueldade animal também… =/

800px-France_in_XXI_Century._Race_in_Pacific

1255550361_jetski-fail

Olha mãããe! Olha o que eu sei fazer óóóó

800px-France_in_XXI_Century._Robot_orchestra

B002L6HE9G-1

Orquestra que cabe no bolso

France_in_XXI_Century._Air_firefighters

HeliEspanha

France_in_XXI_Century._Farmer

1CR9080PHB00201H

Dois fazendeiros bem ocupados

 

COMENTÁRIOS

Desembuche aqui:

Share this:

About the Author

Bárbara Gascó

Olá, terráqueos!

Sou Bárbara Gascó, conhecida também como Barbrão por minha conhecida habilidade em várias esferas, tipo faz-tudo =) e esposa do Sr. Denis Gascó, PaleoNerd.

Sou Arquiteta e Urbanista e atuo na área desde 2012. Paralelamente, escrevo sobre Arquitetura+História e, como única representante do sexo feminino neste navio pirata, pautas acerca de questões sobre Feminismo e Igualdade de gêneros.

View all posts by Bárbara Gascó

Leave a Reply