Tomek Baginski e seus curtas …

Tomek Baginski e seus curtas …

Desde o início do século XX, a técnica de animação foi muito explorada na região do Leste Europeu. Inclusive na Polônia podemos encontrar uma série de produções fantásticas de curtas que nos deixam perplexos. Mas, hoje, quero falar um pouco sobre um cara em especifico, que tem produzido muita coisa boa com a equipe que o acompanha e você seque imagina que já conhece o “trampo” dele!

DUVIDA?

Então, tá ligado no jogo “Witcher 3: The Wild Hunt”? Pois esse cara foi responsável pelo teaser e pela animação de introdução do jogo! Dá só uma olhada:

A animação do The Witcher 2 também foi um projeto realizado por ele, junto com a produtora CD Projekt RED. Vejá só:

Dentre os produtores contemporâneos da animações polonesas, Tomek Baginski é considera um pioneiro que se dedica a produzir curta-metragem em técnica de Computação Gráfica, já desde 1997. Seus trabalhos apresentam uma evolução impressionante, nos quais uma estética que tende para o grotesco é utilizada para desenvolver sagazes críticas à sociedade contemporânea.

Nascido em 1976, esse cara largou seus estudos em arquitetura para começar a fazer animações e, dessa maneira, se tornou um desenhista, cartunista e diretor. Sua primeira obra foi “Rain (1997)”, uma animação muito interessante que, já naqueles anos, trazia já uma crítica à virtualização de nossas realidades consumistas e ao isolamento que marcam o comportamento humano nos dias de hoje. Essa animação conta, ainda com uma crítica à indiscriminada destruição do meio ambiente, num roteiro que retoma os aspectos do futurismo para indicar a importância de recursos fundamentais ao homem. Desta forma, este trabalho terminou por ganhar diversos prêmios, em 1998 e, inclusive, foi a obra que possibilitou à Baginski ingressar na Produtora Platige Image, onde pôde produzir diversos outros trabalhos.

Como vocês podem imaginar, é claro que o curta não é em HD, mas vale a pena assistir:

Depois disso, esse cara passou a trabalhar entre diversos curtas, entre 1999 e 2002, quando saiu o “The Cathedral (2002)” que recebeu o premio de melhor curta animado daquele ano no festival ACM SIGGRAPH e, um ano depois, recebeu também nomeação para o Oscar na categoria de Melhor Animação Curta-metragem. A  ACM SIGGRAPH surgiu em 1974, como um pequeno grupo de especialistas interessados em formar uma comunidade internacional de pesquisadores, artistas, desenvolvedores, produtores cinematográficos e  cientistas (além de outros profissionais) voltados para a tecnologia de Computação Gráfica, assim como técnicas de interatividade. Hoje este grupo é considerado uma referência na área. Você pode assistir à animação logo abaixo:

Em 2004 ele fez o “Fallen Art”, que ganhou o prêmio do júri no festival ACM SIGRAPH com um trabalho que apresenta uma crítica mordaz às práticas de experimentos militares sob uma perspectiva que remete a obras como “O Gabinete do Dr. Caligari” e (por que não?), ao mesmo tempo que retoma a o processo das técnicas de “stop motion“, muito típicas da região. Particularmente, já usei esta animação para demonstrar as formas como podemos encontrar críticas à governos autoritários, com meus estudantes.

O primeiro contato que tive com as animações “doidonas” de Baginski remontam à 2008, quando assisti ao ao curta “The Ark (2007)”. Nesta época eu trabalhava como monitor no Laborátorio de Informática da UNESP-Assis e, por ser o único lugar onde eu tinha acesso à internet, me dedicava a pesquisar como um louco sobre os tipos de animações que existiam pelo mundo. Neste período acabei aprendendo muita coisa nova e, desde então, passei a procurar um pouco mais sobre as idéias que este fantástico jovem diretor busca por em movimento nas telas.

Enfim, esse cara ainda tem muita história, mas eu só quis trazer um pequeno esclarecimento, assim como organizar uma pequena lista que revelasse alguns de seus trabalhos.  Acho extremamente importante que nós brasileiros venhamos procurar uma aproximação com os trabalhos animados de lugares mais inusitados (e dos quais temos pouco conhecimento) como esses.

O último projeto em que Baginski esta a trabalhar é o Cyberpunk 2077, cujo trailer foi lançado há 2 anos atrás. Para falar a verdade, eu estava com medo de que essa proposta tivesse sido cancelada mas, esse dias atrás vi uma nota no facebook do IGN que falava sobre isso.  Fica aqui, então, um dos mais recentes trabalhos de Baginski, com a produtora Platige Image: Cyberpunk 2077. E é F&¨%$#!!!

COMENTÁRIOS

Desembuche aqui:

Share this:

About the Author

PaleoNerd

Me chamo Denis e sou professor de História. Concluí minha Graduação em Licenciatura em História na Universidade Estadual Paulista – UNESP, Câmpus de Assis-SP em 2009. Em 2014 concluí minha Especialização em Educação, Arte e Multimeios pela Unicamp. Atuo na área desde 2010, ministrando aulas para o Ensino Fundamental, Ensino Médio, Cursos Pré-Vestibulares, assim como, palestras e oficinas para jovens e adultos.

View all posts by PaleoNerd

Leave a Reply