5 Podcasts que nunca deixo de ouvir

5 Podcasts que nunca deixo de ouvir

Nesta semana o site de “ranqueamento” colaborativo os5melhores abriu votação para os 5 melhores podcasts de 2015 e, na hora de participar, percebi que eu ainda não tinha parado para fazer essa lista aqui no meu site. Por este motivo, decidi escrever um post que indique 5 podcasts que nunca saem da minha lista, no celular, e o motivo pelo qual sempre os acompanho.

Sobre História Podcast

sobre História Podcast

Sobre História Podcast. Fonte: Facebook

Apesar de bem novo, o Sobre História pode ser considerado uma grande revelação no mundo dos podcasts brasileiros (que tem sido denominado como “PODOSFERA”), por apresentar um grupo de jovens acadêmicos que souberam usar muito bem esta forma de comunicação para introduzir conceitos que, geralmente, são restritos aos debates universitários ao público geral, na forma de um bate-papo descontraído e interessante. Um podcast inovador, que busca levantar questionamentos críticos sobre a sociedade em que vivemos e, neste sentido, nos ajudar a entender que muitas das ideias e comportamentos que marcam nossa sociedade contemporânea são resultado de uma construção histórica.

Filosofia Pop

Criado em maio de 2015 pelo filósofo e professor adjunto da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (UNILAB), Dr. Marcos Carvalho Lopes, em associação com o jovem graduado em Ciências da Computação, Murilo Ferraz Franco, este podcast apresenta bate-papos e entrevistas que procuram relacionar aspectos de nossa cultura contemporânea com a teoria da filosofia.

Com 19 episódios e um site super legal, Filosofia Pop ganha cada vez mais espaço na “podosfera” brasileira e contabiliza já mais de 50.000 downloads de seus episódios. O primeiro episódio deles resulta um manifesto que explica a ideia de filosofia e sua história, assim como apresentam o conceito de Filosofia Pop. Sempre de forma bem-humorada estes apresentadores oferecem reflexões muito bacanas e várias referências de audiovisuais e leituras que podem complementar os assuntos debatidos.

Sempre que os autores se colocam a debater um tema é realizada alguma forma de contextualização histórica, com objetivo a ajudar os ouvintes a situarem aquele conjunto de ideias num determinado período.

Homo Literatus: 30 Minutos

Capa do último episódio lançado pelo 30:min. #122 F. Scott (perdido) Fitzgerald .Fonte.

Capa do último episódio lançado pelo 30:min. #122 F. Scott (perdido) Fitzgerald .Fonte.

Em atividade desde o fim de 2013, este divertidíssimo podcast conta com a presença dos jovens escritores Vilto Reis, Cecília Garcia Marco, Jefesson Figueiredo e Gustavo Magnani que se reúnem para oferecer críticas a obras e realizar engraçados comentários acerca de biografia dos cânones da literatura nacional e internacional. Um programa que oferece uma série informações que podem nos ajudar a desenvolver uma visão mais abrangente sobre literatura, além de proporcionar uma enorme quantidade de dicas de livros escritos por autores contemporâneos.

Há pouco tempo teve fim uma campanha crowdfunding deles que resultará na publicação de contos produzidos pelos autores que participam do Homo Literatus. Se você anda sem ideia de livros novos para ler ou quiser entender um pouco mais sobre determinados aspectos da técnica de escrita, ouça este programa e acompanhe os textos no site.

Cinema em Cena

O site Cinema em Cena é um dos mais antigos na internet brasileira e reúne uma vasta quantidade de informações sobre filmes com críticas, colunas, notícias, blogs, podcasts, videocasts e, se você ainda quiser mais, pode ser assinante e obter outras informações exclusivas.

A equipe do podcast conta com a presença do jornalista e editor-chefe do site, Renato Silveira, a redatora e graduanda em letras, Stephania Amaral, o estudante de jornalismo na UFMG e redator no site, Antônio Tinoco e a que, para mim, pode ser vista como a grande “cereja do bolo” que é a professora de Escola de Belas Artes da UFMG, Ana Lúcia Andrade, a qual sempre apresenta “sacadas” muito “bacanas”, com seu enorme conhecimento sobre o tema.

Desta forma, esta equipe se dedica a analisar películas clássicas, assim como oferecer breves indicações sobre o que anda saindo de novo nas salas de cinemas pelo país. Algo que termina por enriquecer as possibilidades de entender períodos históricos e desenvolver críticas sobre as interpretações cinematográficas que trabalham com dramatizações de época.

Fronteiras da Ciência

Fronteiras da Ciência é um programa realizado pela rádio da UFRGS já desde 2010 e tem o objetivo de discutir os limites entre “o que é ciência e o que é mito”. Com seu estúdio situado no Departamento de Física, o Fronteiras da Ciência já conta com 6 temporadas, nas quais convidados de diversas áreas e lugares são entrevistados para falarem um pouco sobre o trabalho de pesquisa que realizam ou debaterem assuntos mais amplos que abrangem literalmente TODAS as áreas de conhecimento.

A equipe deste programa é formada pelos físicos e professores do Departamento de Física, Jeferson J. Arenzon e Marco Aurélio Pires Idiart, assim como o biólogo e professor do Laboratório de Psicobiologia e Neurocomputação, Jorge A Quillfeldt. Além disso a técnica de áudio fica sob responsabilidade do jornalista graduado pela UFRGS Francisco G Guazzelli

Na minha opinião, este podcast deve ser entendido como um modelo para as universidades brasileiras, já que este tipo de material é extremamente comum nas Universidades do mundo inteiro e oferece uma possibilidade única de disseminação dos conteúdos que são foco de conferências dentro do universo acadêmico.

Enfim, pessoal, sei que existe uma infinidade de programas que poderiam ser citados como fundamentais para manter no FEED do podcast, mas estes são 5 que eu faço questão de acompanhar de maneira constante.

Espero que seja interessante para vocês e, se quiserem me indicar outros, “DESEMBUCHEM” aqui nos nossos comentários!

COMENTÁRIOS

Desembuche aqui:

Share this:

About the Author

PaleoNerd

Me chamo Denis e sou professor de História. Concluí minha Graduação em Licenciatura em História na Universidade Estadual Paulista – UNESP, Câmpus de Assis-SP em 2009. Em 2014 concluí minha Especialização em Educação, Arte e Multimeios pela Unicamp. Atuo na área desde 2010, ministrando aulas para o Ensino Fundamental, Ensino Médio, Cursos Pré-Vestibulares, assim como, palestras e oficinas para jovens e adultos.

View all posts by PaleoNerd

Leave a Reply