Cinco belas parcerias entre artista brasileiros e espanhóis

Cinco belas parcerias entre artista brasileiros e espanhóis

Somos um país latino-americano mas temos a insistente mania em querer nos ver como diferentes dos nossos irmãos que compartilham conosco este espaço. Segundo diversos historiadores essa nossa tendência a um isolacionismo é uma permanência histórica relacionada ao processo de independência da América Latina, ocorrido durante o início do século XIX. Isto porque, enquanto o antigo império colonial espanhol se fragmentou em diversas repúblicas, o Brasil manteve sua unidade nacional por meio da instauração de um regime monárquico ‘independente’, que manteve seu poder por meio de violenta repressão de movimentos sociais e manifestações separatistas.

O duro, pra mim, é ver que muitos brasileiros insistem em querer posicionar a língua espanhola e toda a cultura latino-americana como algo inferior e completamente desvinculado da nossa cultura. O que é que é uma baita IDIOTISSE! #prontofalei

Sim, eu me lembro que quando comecei a dar aula em 2010 pais, professores e alunos ainda criticavam a obrigatoriedade do ensino de língua espanhola , sob o argumento de que isto não seria interessante para a formação da nossa garotada. Pior, ‘mermão’, hoje a lei de obrigatoriedade de ensino espanhol foi revogada pela lei nº 13.415, de 2017 e detém o caráter OPTATIVO. Uma tremenda palhaçada…

Afinal, os países latino-americanos compartilham conosco a pesada herança das práticas coloniais mercantilistas, como o pacto colonial, numa história que manteve os interesses oligárquicos em detrimento de uma organização política que realmente fosse voltada para o bem da maioria.

Seja como for, a cultura hispanofônica é algo que ganha cada vez um maior espaço nas mídias do mundo todo e está aí pra mostrar a beleza dessa cultura diversa, da qual compartilhamos. Um exemplo disso é a música Despacito, que tem conquistado as rádios e playlists pelo mundo inteiro.

O que quero fazer aqui é demonstrar para vocês alguns exemplos de artistas brasileiros que se colocaram toda essa palhaçada preconceituosa de se achar melhor que o outro. E mostrar que, apesar de haver um monte de babaca que desmerece e renega essa proximidade geográfica e cultural que temos com nossos hemanos, tem um outro pessoal que, há décadas  advoga pela importância desta aproximação.

Por isso, quero deixar aqui uns exemplos belíssimos de trampos que unem português e espanhol para reforçar o fato de sermos todos irmãos.

  • INQUÉRITO I Madre Tierra (Part. Malena Dalessio e Ramiro Abrevaya)

  • Si O No | Anitta (Part. Maluma)

  • Disneilândia I Jorge Drexler Part. Arnaldo Antunes)

  •  Latinoamerica I Calle 13 (Part. Maria Rita) – 2011

  • Volver a los 17 I Mercedes Sosa (Part. Chico Buarque, Caetano Veloso, Milton Nascimento e Gal Costa)

COMENTÁRIOS

Desembuche aqui:

Share this:

About the Author

PaleoNerdMe chamo Denis e sou professor de História. Concluí minha Graduação em Licenciatura em História na Universidade Estadual Paulista – UNESP, Câmpus de Assis-SP em 2009. Em 2014 concluí minha Especialização em Educação, Arte e Multimeios pela Unicamp. Atuo na área desde 2010, ministrando aulas para o Ensino Fundamental, Ensino Médio, Cursos Pré-Vestibulares, assim como, palestras e oficinas para jovens e adultos.

View all posts by PaleoNerd

Leave a Reply